Geral

Intercâmbio de corretores de imóveis de MS e GO pode otimizar fiscalização nos Estados

Encontro de representantes do Creci das duas regiões pensam em fazer blitz conjunta 

Midiamax Publicado em 20/02/2015, às 00h06

None
img-20150219-wa0002_resized_1.jpg

Encontro de representantes do Creci das duas regiões pensam em fazer blitz conjunta 

O Encontro de Delegados dos Crecis (Conselho Regional de Corretores de Imóveis) de Mato Grosso do Sul e de Goiás teve como pauta a possibilidade de se otimizar a atuação dos delegados dos órgãos. Foi aventada inclusive a alternativa de serem realizadas a partir de abril deste ano blitz conjuntas. 

Para Oscar Hugo, presidente do Creci GO, os delegados que convivem próximos podem se ajudar, já que os problemas são os mesmos, “O encontro foi importante para discutirmos ações em conjunto e eventos comuns para facilitar o trabalho de fiscalização integrada. Esta é uma idéia futura, que pensamos começar a partir de abril. Fiscais de Goiás poderão atuar dentro de MS e vice-versa. Com isso dobramos o número de fiscais atuantes. Programamos ainda fazer blitz conjunta nos estados. Isso tudo vai inibir o contraventor,” comentou. 

Cerca de 40 corretores e delegados participaram do evento. Foi oferecida ainda a palestra de Regularização Ambiental, com o coordenador técnico de agricultura do Senar Leonnardo Cruvinel. Durante o encontro foi reforçada ainda a importância do Corretor de Imóvel em uma venda, “Nós corretores somos importantes em todo o processo de comercialização de um imóvel. Por isso é imprescindível que este negócio seja fechado com profissionais aptos para realizá-lo. E ouvir estas palavras dos presidentes dos Conselhos de GO e MS, nos motivou ainda mais para atuar e no combate aos contraventores”, afirmou sobre o evento o delegado e corretor de imóveis de Itarumã (GO), Elson Freitas.

Para o representante de Mato Grosso do Sul, o presidente do Creci MS, Delso José de Souza, o encontro foi um marco na história dos Conselhos, “Uma ação pioneira entre os Crecis, fazer uma parceria entre os estados de Goiás e Mato Grosso do Sul, com a finalidade de intensificar a fiscalização e o combate ao exercício ilegal da profissão. É essencial para os corretores de Mato Grosso do Sul, terem conhecimento da legislação ambiental de Goiás, assim como Goiás conhecer as leis do nosso Estado, informações que foram transmitidas na palestra do encontro. Além, de ser um ótimo momento de troca de experiência. Penso que este encontro vai ser um ponta pé inicial para outros estados fazerem a mesma coisa,” afirmou.

Jornal Midiamax