Geral

Caminhoneiros de Mato Grosso do Sul aderem à paralisação nesta sexta-feira

De acordo com caminhoneiros, a paralisação será em ao menos seis cidades

Diego Alves Publicado em 24/04/2015, às 00h54

None
img-20150203-wa0170.jpg

De acordo com caminhoneiros, a paralisação será em ao menos seis cidades

Os caminhoneiros de Mato Grosso do Sul vão aderir a greve nacional dos caminhoneiros nesta sexta-feira (24). Caminhoneiros do Estado e que estão em Mato Grosso do Sul, resolveram parar após o anúncio de cerca de 50 representantes da categoria na saída do auditório da ANTT (Agência Nacional de Transporte Terrestre) em Brasília (DF).

A principal reivindicação dos caminhoneiros é a criação de uma tabela com o preço mínimo do frete, que não foi confirmada pelo governo. A medida é vista como inconstitucional pelo Planalto, que afirma não poder interferir no mercado.

De acordo com caminhoneiros do Estado, a paralisação será na BR-262 e BR-163 em Campo Grande a partir das 6 horas desta sexta-feira (24). As outras cidades onde os caminhoneiros param são Dourados, Naviraí, Maracaju, Sidrolândia e Ponta Porã. Inicialmente a greve iria ocorrer somente nos Estados do Paraná, Rio Grande do Sul, Mato Grosso e Ceará.

Jornal Midiamax