Geral

Agetran participa de treinamento de Manutenção Preventiva de Mecânica para Mulheres

Com o tema “Eu amo meu carro!”, a Agetran apoiou o 1º treinamento

Diego Alves Publicado em 02/06/2015, às 00h25 - Atualizado em 26/04/2018, às 18h00

None
20150601162906.jpg

Com o tema “Eu amo meu carro!”, a Agetran apoiou o 1º treinamento

Com o tema “Eu amo meu carro!”, a Agetran (Agência Municipal de Transporte e Trânsito) apoiou o 1º Treinamento de Manutenção Preventiva de Mecânica para Mulheres realizado no último sábado (30), em Campo Grande. A capacitação encerrou o cronograma de atividades do Movimento Maio Amarelo, que visa reduzir as estatísticas de acidentes graves e fatais na Capital. Agora, mais de 30 mulheres poderão surpreender seus maridos ou mecânicos, ao serem capazes de identificarem um problema ou por entenderem sobre peças que antes eram desconhecidas pela maioria.

A chefe de Divisão de Educação para o Trânsito, Ivanise Rotta fez a abertura do evento, abordando a respeito da Década de Segurança Viária, de 2011 a 2020, a qual tem a meta de reduzir em 50% o número de óbitos no mundo. “Campo Grande já é referência por seus esforços para alcançar essa meta. O balanço tem sido positivo. O trabalho da Agetran em educação, campanhas, as fiscalizações e o Maio Amarelo contribuem para a sensibilização da sociedade”, argumentou Rotta.

Já a agente de fiscalização, Andressa Oliveira, aproveitou a oportunidade para destacar o papel da equipe. “O agente de trânsito só multa quem está errado, somos parceiros de quem está certo. A fiscalização é amiga, lutamos para reduzir esses números e salvar vidas. Nossa missão é coibir e corrigir o comportamento dos infratores e irregulares que, muitas vezes, acabam tirando a vida dos nossos familiares”.

Capacitação

Quem ministrou o curso foi Fernandes Dias, proprietário da Dias Auto Center, há mais de 25 anos. Ele contou que hoje faz parte da rede de oficinas Boch Car Service e que pesquisou o mercado, descobrindo a importância das mulheres para o meio automotivo, pois são 55% dos condutores habilitados. Diversos assuntos foram abordados, como tendências tecnológicas, prevenção, alternador, óleo lubrificante, suspensão, pneu, embreagem, sinalização, tanque de combustível, velas e cabos de ignição, correias.

“Você é o piloto do seu veículo. Se você ama seu carro, deve tratá-lo bem. Que condicionador usa para o seu cabelo? Tenho certeza que é a melhor marca, portanto, o seu veículo também merece o melhor”, destacou Dias. A servidora da Agetran, Ana Letícia Silva Duarte, de 34 anos, disse que ficou satisfeita em participar do curso, apesar de ainda não ser habilitada. “Quis fazer o treinamento porque tenho a intenção de tirar CNH e adquirir um veículo, em breve. Sei da importância de me sentir segura, usando o equipamento de forma correta, com os cuidados necessários. O conteúdo foi muito esclarecedor e desmistificou alguns mitos que eu tinha”, contou.

Jornal Midiamax