Tenista desmaia e causa discussão sobre jogos em temperaturas altas

O tenista Frank Dancevic causou espanto ao desmaiar nesta terça-feira durante uma partida do Aberto da Austrália. O canadense enfrentava o francês Benoit Paire pela primeira rodada do Grand Slam, quando passou mal por causa da temperatura elevada. Dancevic sentiu-se mal no segundo set da partida e logo se recuperou. O tenista voltou à quadra […]
| 14/01/2014
- 18:41
Tenista desmaia e causa discussão sobre jogos em temperaturas altas

O tenista Frank Dancevic causou espanto ao desmaiar nesta terça-feira durante uma partida do Aberto da Austrália. O canadense enfrentava o francês Benoit Paire pela primeira rodada do Grand Slam, quando passou mal por causa da temperatura elevada.

Dancevic sentiu-se mal no segundo set da partida e logo se recuperou. O tenista voltou à quadra e não foi páreo para Paire, vencedor do duelo após aplicar 3 sets a 0, com parciais de 7/6 (14-12), 6/3 e 6/4.

O canadense criticou a organização do Aberto da Austrália por obrigar os tenistas a jogar em temperaturas superiores a 40 graus. A maioria dos duelos desta terça-feira foi sob 41 graus, incluindo o confronto entre Dancevic e Paire.

 

“Acho que é desumano. Não acho que seja justo com os jogadores, fãs e esporte, quando você vê um atleta desistindo de um confronto. Joguei partidas de cinco sets minha vida toda. Mas quando você vai à quadra, após um set e meio, já sente taquicardia. Isso não é normal”, reclamou Frank Dancevic em entrevista coletiva.

Dancevic acredita no risco de vida ao atuar nessas condições climáticas. “Até que alguém morra, eles continuarão marcando partidas no calor. Pessoalmente, não acho justo, e sei de um monte de jogadores que não gosta dessa situação”, sentenciou o tenista canadense.

O incidente de Frank Dancevic não foi isolado. Durante a partida entre o canadense Milos Raonic e o espanhol Daniel Gimeno-Traver pela primeira rodada do Aberto da Austrália, um pegador de bolas desmaiou e precisou de atendimento médico. No torneio feminino, a chinesa Shuai Peng necessitou de assistência para deixar a quadra após vencer a japonesa Kurumi Nara.

 

Wayne McKewen, diretor do evento, reconhece que haverá um “plano de contingência”, no qual os jogos teriam mais tempo de intervalo entre os sets. Apesar dos problemas, os organizadores do torneio afirmam que as partidas são realizadas em boas condições de vento e umidade.

Veja também

Confira o filme publicitário comemorativo dos 46 anos de MS, com narração do cantor Paulo Simões, compositor de "Trem do Pantanal"

Últimas notícias