Geral

Seguranças da UFMS alegam serem vítimas de violência por parte de acadêmica

Após confusão durante a ocupação da Reitoria da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) na noite de terça-feira (29), três seguranças que estavam no local registraram um boletim de ocorrência alegando terem sido agredidos por uma acadêmica. Os seguranças Cleonice da Silva, de 30 anos, Gilson dos Santos, de 32 e Alexandre da […]

Arquivo Publicado em 30/04/2014, às 12h18

None

Após confusão durante a ocupação da Reitoria da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul (UFMS) na noite de terça-feira (29), três seguranças que estavam no local registraram um boletim de ocorrência alegando terem sido agredidos por uma acadêmica.

Os seguranças Cleonice da Silva, de 30 anos, Gilson dos Santos, de 32 e Alexandre da Silva de 26, declararam aos policiais que a estudante Carolini Porto Gonçalves, de 18 anos, teria jogado um produto químico, que eles suspeitam ser vinagre, atingindo os olhos dos funcionários.

Em relato, os seguranças ainda afirmam que a jovem se machucou ao tentar pular a grade de proteção, para invadir a Reitoria, tendo que ser atendida pelos bombeiros e causando tumulto, perturbando o andamento normal dos trabalhos relativos à segurança.

O caso foi encaminhado à Depac-Piratininga.

Jornal Midiamax