Santos perde Robinho, mas bate Atlético-PR com gol de Damião

O torcedor santista quase teve uma noite perfeita nesta quarta-feira. No reencontro com as vitórias após três derrotas consecutivas no Campeonato Brasileiro, o Santos bateu o Atlético-PR por 2 a 0 na Vila Belmiro pela 16ª rodada da competição nacional, mas perdeu o ídolo Robinho ainda no primeiro tempo por causa de uma lesão. O […]
| 21/08/2014
- 04:08
Santos perde Robinho, mas bate Atlético-PR com gol de Damião

O torcedor santista quase teve uma noite perfeita nesta quarta-feira. No reencontro com as vitórias após três derrotas consecutivas no Campeonato Brasileiro, o Santos bateu o Atlético-PR por 2 a 0 na Vila Belmiro pela 16ª rodada da competição nacional, mas perdeu o ídolo Robinho ainda no primeiro tempo por causa de uma lesão. O triunfo marcou o reencontro de Leandro Damião com as redes;

Criticado pelo alto valor investido (R$ 42 milhões), o atacante ex-Inter-RS sofre para se firmar no Santos. O jogador não marcava desde o dia 30 de março, quando fez contra o Penapolense, pela semifinal do Campeonato Paulista. No período, foram 10 jogos em branco, lesão e até o banco de reservas. Com Robinho, Leandro Damião voltou à titularidade e fazia partidas regulares até finalmente marcar nesta quarta.

Até então sem vencer há três jogos (Cruzeiro, Corinthians e Inter), o Santos agora sobe provisoriamente para a sétima colocação, com 23 pontos, e volta a sonhar com o G-4. Já o Atlético-PR cai para o nono lugar, com o mesmo número de pontos do adversário.

Ambas as equipes voltam a jogar já neste fim de semana pelo Campeonato Brasileiro. No domingo, às 16h (de Brasília), os santistas encaram o rival São Paulo no Morumbi. O time paranaense, por sua vez, recebe o Bahia no mesmo dia, mas às 18h30.

A partida começou relativamente animada em Santos e logo após os primeiros 10 minutos de estudo dos dois lados ambas as equipes tiveram boas chances de abrir o placar. Mandante, o Santos se destacava no confronto, procurando sempre Robinho, mas sofreu uma dura baixa aos 27min: o atacante, que retornou recentemente da Europa, sofreu uma lesão depois de esboçar uma pedalada e foi substituído por Rildo.

Mesmo assim, o clube praiano seguia melhor e perdeu boa oportunidade de abrir o placar aos 30min, quando Thiago Ribeiro cabeceou para ótima defesa de Weverton. O gol santista, contudo, saiu antes do intervalo: aos 45min, Leandro Damião, que já havia esboçado “estar vivo” em oportunidades de gol anteriores, completou cruzamento e viu a bola desviar na zaga adversária antes de morrer no fundo do gol para findar longo jejum sem marcar.

Para a etapa final, o Atlético-PR se soltou mais na partida e passou a buscar o empate incessantemente. No entanto, o Santos demonstrava perigo e conseguiu fazer mais um gol aos 22min: após cruzamento de Mena, Thiago Ribeiro completou sozinho de cabeça para as redes.

Os paranaenses seguiram com maior domínio da posse de bola até o fim do confronto, mas não conseguiram sequer diminuir o placar – o atacante Marcelo ainda chutou pênalti para os paranaenses no travessão aos 49min.

Últimas notícias