Geral

Relatório aponta indícios de irregularidades e Olarte confirma auditoria na prefeitura

O prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte, vai contratar uma auditoria externa para checar problemas na administração municipal. Ele apresentou, na manhã desta segunda-feira um relatório no qual são apontados indícios de irregularidades na gestão de seu antecessor, Alcides Bernal, cassado no dia 12 de março pelos vereadores. Abrangendo as várias áreas da administração municipal,...

Arquivo Publicado em 24/03/2014, às 12h37

None
1578870078.jpg

O prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte, vai contratar uma auditoria externa para checar problemas na administração municipal. Ele apresentou, na manhã desta segunda-feira um relatório no qual são apontados indícios de irregularidades na gestão de seu antecessor, Alcides Bernal, cassado no dia 12 de março pelos vereadores.

Abrangendo as várias áreas da administração municipal, o levantamento foi um pedido especial do novo chefe do Executivo à sua equipe de primeiro escalão. Foi feito um diagnóstico geral em cada uma das pastas, envolvendo o andamento de projetos, aplicação de recursos e funcionamento do sistema público.

Em seu “Relatório Geral” de 12 páginas, Olarte destaca, logo na primeira, o item “providências”. Nele, informa que vai formar uma equipe de auditoria para checar os indícios de irregularidades apontados por seu time.

“(…) Caso seja comprovada alguma irregularidade ou impropriedade, tomar as providências jurídico/administrativas de competência da prefeitura e posterior envio do resultado das auditorias aos órgãos de controle interno e externo da administração pública”, diz o texto inicial do relatório.

Jornal Midiamax