Geral

Promovido pelo Clube do Cineclube MIS exibe filme françês Holy Motors

Com apoio da Fundação de Cultura do governo do Estado, por meio do MIS (Museu da Imagem e do Som), o Clube do Cineclube apresenta hoje (16), às 19 horas, o cineclube da Aliança Francesa (AF), que exibirá o filme “Holy Motors” de Leos Carax, seguido de um debate. O evento será realizado no MIS […]

Arquivo Publicado em 16/04/2014, às 12h34

None

Com apoio da Fundação de Cultura do governo do Estado, por meio do MIS (Museu da Imagem e do Som), o Clube do Cineclube apresenta hoje (16), às 19 horas, o cineclube da Aliança Francesa (AF), que exibirá o filme “Holy Motors” de Leos Carax, seguido de um debate. O evento será realizado no MIS na avenida Fernando Corrêa da Costa, 559, 3º andar. A entrada é franca.


O filme “Holy Motors” (2012) questiona as relações humanas, criando uma suspensão da realidade convencional no qual as relações sociais são apenas encenadas e não vividas. O diretor, que traz a influência de Jean-Luc Godard, participou de importantes festivais como o de Cannes, concorrendo à Palma de Ouro – com Holy Motors, e também do 37º Festival Internacional de Berlim. A mediação do debate será realizado pelo jornalista Thiago Andrade, do jornal Correio do Estado, também professor da Aliança Francesa e mestrando em comunicação da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.


Clube do CineClube é um projeto coordenado pelo Cinema (d)e Horror em conjunto com o Colegiado de Cinema e apoiado pelo Museu da Imagem e do Som de Mato Grosso do Sul (MIS de MS), que tem por objetivo realizar um diálogo entre os cineclubes de Mato Grosso do Sul a fim de promover uma organização política deste setor cultural.


Já o cineclube da Aliança Francesa (AF) existe desde o início das atividades da escola, há 52 anos. O cineclube é aberto à comunidade da Capital. Pelo fato de as projeções serem executadas com o áudio (única e exclusivamente) em francês, o cineclube atrai amantes do cinema francês.


Nos últimos anos o cineclube (AF) tem feito cerca de duas projeções ao ano. Com interesse crescente de seus alunos, aumentou-se esta frequência, bem como o seu acervo. Neste ano já foi realizada a primeira projeção, no mês de janeiro, com “Madame Bovary” e há previsão de se realizar, no mínimo, mais três projeções.


A curadoria do cineclube (AF) é realizada junto a seus parceiros (alunos, ex-alunos) amantes e especialistas do cinema francês: Essi Rafael Leal e Thiago Andrade. Há preferência para filmes clássicos ou muitas vezes fora do circuito usual (curtas e longas), que lhes são gentilmente cedidos pela Cinemateca da Embaixada da França no Rio de Janeiro.

Holy Motors


Oscar (Denis Lavant) transita solitário em vidas paralelas, atuando como chefe, assassino, mendigo, monstro, pai… Mergulha profundamente em cada um dos papéis e é transportado por Paris e arredores em uma luxuosa limusine, comandada pela loira Céline (Edith Scob). Ele é um homem em busca da beleza do movimento, da força motriz, das mulheres e dos fantasmas de sua vida. Direção: Leos Carax (Drama, 115min, 2012).

Serviço


Exibição e debate do filme “Holy Motors” nesta quarta-feira (16), às 19 horas, no Museu da Imagem e do Som – Memorial da Cultura, avenida Fernando Correa da Costa, 559, 3º andar. Mais informações: www.misms.com.br , e-mail: [email protected] r, ou ainda pelo telefone (67)3316-9178.

Jornal Midiamax