Geral

Prevenção: Outubro Rosa vai promover 3 mil mamografias em Campo Grande

Com o objetivo de divulgar a prevenção do câncer de mama, por meio da mamografia, dezenas de pessoas se reuniram na manhã desta quarta-feira (1º), na Praça Ari Coelho em Campo Grande. O evento, cujo título é Outubro Rosa, é organizado pelo Hospital do Câncer de Barretos e pretende realizar, nesse mês de outubro, cerca […]

Arquivo Publicado em 01/10/2014, às 13h45

None
164719772.jpg

Com o objetivo de divulgar a prevenção do câncer de mama, por meio da mamografia, dezenas de pessoas se reuniram na manhã desta quarta-feira (1º), na Praça Ari Coelho em Campo Grande. O evento, cujo título é Outubro Rosa, é organizado pelo Hospital do Câncer de Barretos e pretende realizar, nesse mês de outubro, cerca de 3 mil exames de prevenção da doença.

Para isso, uma unidade móvel estará realizando mamografias, além da unidade fixa já existente na Capital. “A unidade móvel estará atendendo na Rua Ida Baís no Bairro Nova Lima. Já a nossa filial do hospital estará atendendo normalmente na Rua Vereador Tirso de Almeida, 3103”, explica.

Segundo a diretora clínica do Hospital do Câncer de Barretos de Campo Grande, Adriane Bovo, para que o paciente possa fazer os exames, basta portar a carteirinha do SUS (Sistema Único de Saúde). “Queremos atender muitas mulheres que não tem o costume de fazer exames de prevenção”, frisa.

Nesse sentido, a pastora Carmem Faccione raspou o cabelo em público a fim de apoiar as mulheres que passam pelo tratamento de câncer. “Fiz essa homenagem porque eu sei como é difícil para uma mulher perder o cabelo, que é um ponto central da vaidade feminina”, conta.

Carmem também conta que teve a doença e só descobriu depois que fez a mamografia. “Graças a Deus agora estou curada. Acho que isso se deu em virtude dos exames que sempre fiz”, relata.

Segundo a aposentada, Maria Maura, de 69 anos, os exames são muito importantes para se chegar à cura. “Eu sempre fiz e mesmo com minha idade, que é o limite, vou continuar fazendo”, diz. Os médicos recomendam que os exames sejam feitos nas mulheres entre 40 e 69 anos, pelo menos uma vez por ano.

Além dos exames, o Outubro Rosa irá promover várias atividades dentro do Hospital, tais como café da manhã, sorteio de brindes e atividades que incentivam as pessoas a fazerem a mamografia. Adriana Bovo explica que cada tipo de câncer possui uma cor específica. No caso do câncer de mama a cor rosa foi a escolhida pela comunidade médica. (Matéria editada às 17h18)



Jornal Midiamax