Prefeito Gilmar Olarte recebe cônsul Angel Adrian do Paraguai

Na tarde desta terça-feira (12), o prefeito Gilmar Olarte acompanhado da secretária-adjunta da Secretaria Municipal de Políticas para as mulheres, Djanir Correia Barbosa recebeu a visita do cônsul do Paraguai, Angel Adrian Gill Lesme. Durante a recepção à autoridade do Paraguai no gabinete do prefeito foram tratados assuntos de criação de uma praça com denominada […]
| 12/08/2014
- 23:59
Prefeito Gilmar Olarte recebe cônsul Angel Adrian do Paraguai

Na tarde desta terça-feira (12), o prefeito acompanhado da secretária-adjunta da Secretaria Municipal de Políticas para as mulheres, Djanir Correia Barbosa recebeu a visita do cônsul do Paraguai, Angel Adrian Gill Lesme. Durante a recepção à autoridade do Paraguai no gabinete do prefeito foram tratados assuntos de criação de uma praça com denominada Paraguai e também ações políticas para atender as mulheres descentes do pais vizinho, aqui em Campo Grande.

O cônsul do Paraguai, Angel Adrian colocou seu pais à disposição das autoridades brasileiras e de Campo Grande, para também atendê-las com empregos no Paraguai. “Algumas indústrias brasileiras estão se instalando em nosso pais e vamos atender as mulheres brasileiras com oferta de trabalho. Estou satisfeito em ser recebido pelo prefeito e tenho muito a agradecer ao povo do Estado de Mato Grosso do Sul pelo bom relacionamento”, disse o cônsul do Paraguai que solicitou a criação de uma praça e que o nome se domine Praça Paraguai.

O prefeito Gilmar Olarte disse ao cônsul do Paraguai que é descendente de espanhóis e convive muito com os povos paraguaios e bolivianos por desenvolver atividades religiosas. “Recente nós criamos a secretaria da mulher em Campo Grande e vamos atender as mulheres descendentes do Paraguai com igualdade às mulheres brasileiras. Com relação a denominação de uma praça como nome do Paraguai é preciso os encaminhamentos oficiais assim que tudo tiver pronto nós inauguramos a praça com uma grande festa dos dois povos”.

A secretária-adjunta da secretaria de Políticas para as Mulheres, Djanir Correia Barbosa comentou que a vai desenvolver ações na saúde para atender as mulheres de Campo Grande e as descentes do pais vizinho já estão incluídas nas ações. “Já temos o levantamento do numero de mulheres descendentes do Paraguai que moram em Campo Grande. São mais de 30 mil. Queremos que nossas ações chequem até elas. Todas as mulheres de países vizinhos que escolheram para moram aqui serão tratadas com irmandade”. Finalizou.

Últimas notícias