Geral

Prefeito diz que levantamento de gastos do Centro Pediátrico fica pronto nesta semana

O prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte (PP), disse que o levantamento dos gastos para a criação do Centro Pediátrico deve ficar pronto nesta semana. Segundo o progressista, o Ministério da Saúde só poderá ajudar o centro a partir do ano que vem. “Falta o levantamento de gastos que fica pronto esta semana. O Ministério […]

Arquivo Publicado em 01/06/2014, às 15h40

None

O prefeito de Campo Grande, Gilmar Olarte (PP), disse que o levantamento dos gastos para a criação do Centro Pediátrico deve ficar pronto nesta semana. Segundo o progressista, o Ministério da Saúde só poderá ajudar o centro a partir do ano que vem.


“Falta o levantamento de gastos que fica pronto esta semana. O Ministério da Saúde só poderá nos ajudar em 2015 e de leitos e médicos precisamos para agora”, afirmou Olarte.


Depois do levantamento, o prefeito disse que vai se reunir com os secretários para estudar como será feito o remanejamento para criar o centro. A ideia é alugar o Sírio Libanês para funcionar o centro.


Olarte disse ter conversado com o presidente da Santa Casa, Wilson Telesco, sobre a criação do Centro Pediátrico. “Ele gostou da ideia de alugar o hospital”, enfatizou o prefeito.


Enquanto o centro não se concretiza, o plano B já está sendo executado pela prefeitura. “Estamos fortalecendo os UPAs (Unidade de Pronto Atendimento), dando resolutividade aos exames como ultrassom e raio-X e reaparelhando todas as equipes”, explicou Olarte.


Mão de obra


A estratégia do prefeito para atrair médicos pediatras é dar melhores condições aos profissionais e, consequentemente, melhorar a autoestima. “Quando eles trabalham em hospital podem ganhar mais e isso estimula o profissional”, pontuou Olarte. O gestor reconhece a baixa remuneração aos pediatras do sistema municipal.

Jornal Midiamax