Geral

PMA multa pecuarista em R$ 3 mil por incêndio

A PMA (Polícia Militar Ambiental) de Batayporã, distante 306 quilômetros de Campo Grande, multou um proprietário rural em R$ 3 mil por colocar fogo em uma área de pastagem. O incêndio ficou fora de controle e atingiu a área do vizinho. De acordo com a PMA, os policiais chegaram ao fazendeiro, de 39 anos, após […]

Arquivo Publicado em 16/09/2014, às 21h00

None
2075025371.jpg

A PMA (Polícia Militar Ambiental) de Batayporã, distante 306 quilômetros de Campo Grande, multou um proprietário rural em R$ 3 mil por colocar fogo em uma área de pastagem. O incêndio ficou fora de controle e atingiu a área do vizinho.

De acordo com a PMA, os policiais chegaram ao fazendeiro, de 39 anos, após denúncias. Segundo informações, o incêndio teria acontecido na quarta-feira (10). Ao chegar no local ficou comprovado o crime, cerca de uma hectare de pastagem, em consórcio com eucalipto na propriedade do denunciado, foram consumidos pelo fogo.

Por negligência proprietário, o incêndio se propagou para a fazenda vizinha, vindo a atingir 2 hectares da área. Os policiais efetuaram um auto de infração administrativo e multaram o infrator em R$ 3 mil.

Recorrente

Há sete dias a PMA de Batayporã havia autuado um proprietário rural de Nova Andradina em R$ 68 mil pelo mesmo motivo. Neste período seco é extremamente perigoso este tipo de atividade, porém, as pessoas insistem no uso do fogo para a renovação e limpeza de pastagem.

Jornal Midiamax