Geral

Petroleira de Eike vai rever venda de campos no Maranhão

A petroleira OGX, do empresário Eike Batista, decidiu rever a venda dos capôs de gás no Maranhão, segundo informações publicadas nesta segunda-feira pelo jornal Folha de S.Paulo. Em outubro do ano passado, a empresa anunciou o repasse da área para o fundo Cambuhy por R$ 200 milhões. Contudo, a petroleira, renomeada para Óleo e Gás […]

Arquivo Publicado em 17/02/2014, às 13h23

None

A petroleira OGX, do empresário Eike Batista, decidiu rever a venda dos capôs de gás no Maranhão, segundo informações publicadas nesta segunda-feira pelo jornal Folha de S.Paulo. Em outubro do ano passado, a empresa anunciou o repasse da área para o fundo Cambuhy por R$ 200 milhões. Contudo, a petroleira, renomeada para Óleo e Gás Participações decidiu abrir um processo competitivo e buscar novas ofertas.

De acordo com a publicação, a decisão consta no plano de recuperação judicial da OGX, que prevê a conversão dos créditos concursais do Grupo OGX no valor total de US$ 5,8 bilhões, em ações de emissão da OGX, representativas de 25% do capital social da OGX após sua reestruturação. Segundo a Folha, o OGpar vai realizar um leilão para a venda dos campos, que representam a fatia de 67% que a petroleira tem no Maranhão, 15 dias após a aprovação da recuperação pela Justiça. O lance mínimo será o já oferecido pela Cambuhy, de R$ 200 milhões.

Jornal Midiamax