Geral

Petistas rejeitam alianças só para satisfazer Governo Federal, garante presidente

Com a oportunidade de reunir a maioria das lideranças do PT, durante evento de comemoração dos 34 anos do partido neste sábado (22), uma reunião foi feita para ouvir a base sobre o desejo de alianças em Mato Grosso do Sul. Além disso, o presidente do regional do partido, Paulo Duarte, disse que também foi […]

Arquivo Publicado em 22/02/2014, às 17h41

None
560138979.jpg

Com a oportunidade de reunir a maioria das lideranças do PT, durante evento de comemoração dos 34 anos do partido neste sábado (22), uma reunião foi feita para ouvir a base sobre o desejo de alianças em Mato Grosso do Sul. Além disso, o presidente do regional do partido, Paulo Duarte, disse que também foi deixado claro que não há imposição federal no assunto.

“Repassamos que não vamos firmar alianças que sejam convenientes só para o Governo Federal. Também não há uma imposição para que seja repetida a dobradinha PT/PMDB no Estado”, garantiu Duarte.

Apesar da longa reunião, nada ainda foi definido. “As vagas de vice-governador e ao Senado ainda estão abertas. Ainda não há definição nem de partido, nem de pessoas. O ônibus do Delcídio [do Amaral, nome do PT ao Governo do Estado] está enchendo, mas ainda tem muita vaga”, ressaltou Paulo Duarte.

A reunião estava lotada e foi para repassar os quadros de conversas feitas por Delcídio. “Era o que todo mundo queria saber. Ao final faremos alianças que sejam importantes também para nós”, explicou o presidente.

O primeiro partido a declarar apoio abertamente foi o PDT. “A unanimidade está feliz com o posicionamento do PDT, que já tem uma história conosco”, concluiu Duarte. O apoio foi divulgado ontem (21).

Jornal Midiamax