Os diversos “selfies” feitos por um soldado russo podem indicar que o Exército do país opera ou operou dentro do território da Ucrânia.

Alexander Sotkin, 24, que se descreve como um especialista em comunicações em mídia social, tem postado com frequência fotos em sua conta no Instagram que mostram o soldado operando equipamentos militares, incluindo um lançador de mísseis BUK, semelhante ao sistema apontado como responsável por derrubar o avião da Malaysia Airlines no leste da Ucrânia em 17 de julho passado.

Cada vez que uma foto é colocada no Instagram o local em que a imagem foi postada é rastreado por um sistema de geolocalização. Várias das fotografias de Sotkin do início de julho relevam que as imagens foram postadas em território ucraniano, na vila de Krasnyi Derkul, área controlada por rebeldes separatistas, localizada a cerca de 14 quilômetros da base russa de Voloshino.