Geral

Novos xodós decidem, e Corinthians goleia Linense fora de casa

O Corinthians provou, nesta quarta-feira, que está no caminho certo para se renovar. O time do técnico Mano Menezes contou com o brilho de dois jogadores recém-contratados, Jadson e Luciano, para golear a Linense por 4 a 0, mesmo fora de casa. O meia já assumiu a camisa 10 corintiana, mudou o meio-campo corintiano e […]

Arquivo Publicado em 06/03/2014, às 01h57

None

O Corinthians provou, nesta quarta-feira, que está no caminho certo para se renovar. O time do técnico Mano Menezes contou com o brilho de dois jogadores recém-contratados, Jadson e Luciano, para golear a Linense por 4 a 0, mesmo fora de casa. O meia já assumiu a camisa 10 corintiana, mudou o meio-campo corintiano e tem mostrado incrível eficiência nos chutes de longa distância. Já Luciano, que tinha feito dois gols em sua estreia, há uma semana, comprovou o faro de artilheiro com a perna esquerda e ainda fez um gol de cabeça também.

A vitória alivia a situação do Corinthians no Campeonato Paulista. Agora o time está com 20 pontos e colou no segundo colocado do Grupo B, o Ituano, que perdeu para o Comercial e está com um ponto a mais. Já a Linense segue com 10 pontos e está praticamente eliminada no Grupo A.

Os grandes feitos de Jadson começaram cedo no primeiro tempo. Ele já vinha dando boa dinâmica ao jogo e, aos 17min, fez seu primeiro gol ao arriscar um chute de longe e não dar chances para o goleiro defender.

Demorou apenas mais cinco minutos para Jadson brilhar de novo, já que o Corinthians ganhou uma ótima chance em cobrança de falta. Ele foi para a cobrança e outra vez chutou com perfeição para o gol.

O terceiro gol não foi de Jadson, mas ele deu um bom passe para outra novidade corintiana marcar: Luciano recebeu passe na área e acertou uma finalização perfeita de esquerda.

O Corinthians desceu para o vestiário em festa, mas voltou menos empolgado para o segundo tempo. O time deixou a Linense ter mais posse de bola e houve até um lance polêmico, em que Cássio buscou a bola nos pés de Fernandinho, dentro da área, mas o juiz não marcou nada e acalmou o princípio de confusão.

Quando o Corinthians voltou a jogar bola, logo conseguiu o quarto gol: após cruzamento perfeito de Fagner, Luciano nem precisou pular para cabecear com estilo, balançar a rede de novo e definir o placar final.

Jornal Midiamax