Geral

No RS, jovem é morto após confessar ter esfaqueado irmão em brincadeira

A Polícia Civil de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, investiga as circunstâncias da morte de um jovem de 15 anos, que teria sido assassinado depois de ferir gravemente o irmão, de cinco anos, com uma faca. O caso aconteceu na madrugada deste domingo (6), no Jardim Protásio Alves, zona norte da capital gaúcha. […]

Arquivo Publicado em 06/04/2014, às 17h00

None

A Polícia Civil de Porto Alegre, no Rio Grande do Sul, investiga as circunstâncias da morte de um jovem de 15 anos, que teria sido assassinado depois de ferir gravemente o irmão, de cinco anos, com uma faca.


O caso aconteceu na madrugada deste domingo (6), no Jardim Protásio Alves, zona norte da capital gaúcha.


O adolescente foi atingido com um tiro na testa por um grupo de homens ainda não identificados pela polícia, em represália após admitir ter esfaqueado o irmão, sem querer, durante uma brincadeira. A criança está internada no Hospital Pronto-Socorro.


Brincadeira acabou mal


Conforme relatos de familiares, o rapaz contou à família que, enquanto cuidava dos irmãos, de um, cinco e 12 anos de idade, a pedido da mãe, que tinha ido a uma festa, acabou atingindo o irmão menor, sem querer, com uma facada no tórax.


Ainda de acordo com parentes, assustado, o jovem acabou fugindo após o incidente, mas a notícia se espalhou pela região e o rapaz teria sido perseguido por populares, que o mataram em seguida.

Jornal Midiamax