Geral

No Ceará, ladrão abandona moto roubada e deixa carta de desprezo: ‘porqueira’

Um ladrão abandonou uma motocicleta roubada em Russas, no interior do Ceará, e deixou um bilhete de desprezo; segundo o autor do roubo, o veículo não “dá nem pra fazer um assalto”. “Ajeita essa porqueira, macho, não dá nem pra fazer um assalto. Isso não serve nem pra botar no lixo, seu fulero. Compre uma […]

Arquivo Publicado em 06/08/2014, às 12h31

None
1860373906.png

Um ladrão abandonou uma motocicleta roubada em Russas, no interior do Ceará, e deixou um bilhete de desprezo; segundo o autor do roubo, o veículo não “dá nem pra fazer um assalto”. “Ajeita essa porqueira, macho, não dá nem pra fazer um assalto. Isso não serve nem pra botar no lixo, seu fulero. Compre uma brozinha, macho. Valeu, compadre”, diz o bilhete.


Segundo a Polícia Militar de Russas, o veículo foi deixado abandonado na zona rural da cidade na tarde de terça-feira (5) e já devolvida ao dono. “A moto era um pouco antiga e tinha alguns problemas mecânicos. O ladrão provavelmente precisava dela pra assaltos e fugas em alta velocidade e viu que ela não servia para o que ele queria”, diz o policial João Brígido.


A polícia fez buscas pelo autor do roubo, mas ainda não tem a identidade do suspeito. A polícia acredita que o suspeito mora em residências próximas ao local onde o veículo foi encontrado abandonado na terça-feira.

Jornal Midiamax