Geral

Nelsinho diz acreditar que aliança com Dilma é provável no Estado

Nelson Trad Filho, o pré-candidato do PMDB em Mato Grosso do Sul às eleições deste ano, avaliou nesta terça-feira (18) que uma provável aliança com Dilma Rousseff (PT) é mais viável que contar com o apoio do PSDB. “A decisão sobre a aliança com o PT é do diretório municipal. Se a maioria achar possível, […]

Arquivo Publicado em 18/03/2014, às 11h26

None
450057279.jpg

Nelson Trad Filho, o pré-candidato do PMDB em Mato Grosso do Sul às eleições deste ano, avaliou nesta terça-feira (18) que uma provável aliança com Dilma Rousseff (PT) é mais viável que contar com o apoio do PSDB.


“A decisão sobre a aliança com o PT é do diretório municipal. Se a maioria achar possível, eu vou seguir”, declarou, apesar das demonstrações de descontentamento do PMDB nacional com o governo.


Uma união com o PT e o PSDB, entretanto, foi vista como imprópria pelo pré-candidato. “Considero uma total incoerência. No plano nacional são rivais e os partidos sequer sentam para conversar. Se ficarem juntos no Estado, pela manhã um estará atirando contra o outro e pela tarde, um jogando perfume no outro”, brincou.


Para Nelsinho, a aliança seria um oportunismo de dois lados.


(Matéria editada às 10h43 para correção de informações).

Jornal Midiamax