Geral

Mulher morre em UPA da Vila Almeida, após ter duas paradas cardiorespiratórias

Maximiana Francisca Aves Mascarenhas, 77 anos, morreu, na manhã deste domingo (23), na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Vila Almeida, região oeste de Campo Grande. A morte ocorreu após a vítima ter duas paradas cardiorespiratórias no posto de saúde. De acordo com o boletim de ocorrência, a idosa tratava a pressão alta e passou […]

Arquivo Publicado em 23/02/2014, às 16h45

None

Maximiana Francisca Aves Mascarenhas, 77 anos, morreu, na manhã deste domingo (23), na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Vila Almeida, região oeste de Campo Grande. A morte ocorreu após a vítima ter duas paradas cardiorespiratórias no posto de saúde.


De acordo com o boletim de ocorrência, a idosa tratava a pressão alta e passou mal em sua residência. A cunhada da vítima acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) que encaminhou Maximiana para a unidade da Vila Almeida.


No local, a idosa sofreu a primeira parada cardiorespiratória e por meio de procedimento seu quadro foi estabilizado. Porém, as 06h20 a vítima apresentou nova PCR e veio a óbito.


A morte foi registrada como natural, mas o caso está sendo investigado pela polícia civil.

Jornal Midiamax