Geral

MS recebe R$ 35 milhões para obras em saneamento básico para 12 municípios

Mato Grosso do Sul irá receber R$ 35 milhões em recursos do Programa de Aceleração do Crescimento, o chamado PAC 2 Funasa, para obras em saneamento básico, segundo os petistas senador Delcídio do Amaral e o deputado federal Vander Loubet que intermediaram a viabilização da verba. Os municípios beneficiados serão Alcinópolis (R$ 2,16 milhões), Angélica […]

Arquivo Publicado em 28/01/2014, às 20h16

None

Mato Grosso do Sul irá receber R$ 35 milhões em recursos do Programa de Aceleração do Crescimento, o chamado PAC 2 Funasa, para obras em saneamento básico, segundo os petistas senador Delcídio do Amaral e o deputado federal Vander Loubet que intermediaram a viabilização da verba.

Os municípios beneficiados serão Alcinópolis (R$ 2,16 milhões), Angélica (R$ 7,67 milhão), Bataguassu (R$ 4,1 milhões), Bela Vista (R$ 1,79 milhão), Deodápolis (R$ 1,36 milhão), Dois Irmãos do Buriti (R$ 5,66 milhões), Glória de Dourados (R$ 1 milhão), Juti (R$ 2,6 milhões), Novo Horizonte do Sul (R$ 2,36 milhões), Rio Verde de Mato Grosso (R$ 2,23 milhões), Santa Rita do Pardo (R$ 1,7 milhão) e Sidrolândia (R$ 2,4 milhões).

“Esses recursos serão convertidos em mais saúde para a população. Investimento em saneamento básico se reflete em melhor qualidade de vida para as pessoas”, observou o senador Delcídio. Já Vander destacou a presença do Governo Federal em MS.

Detalhes das obras

Alcinópolis – A Sanesul vai receber R$ 2,16 milhões para executar obras de ampliação do sistema de esgotamento sanitário. Serão implantados quase 19 km de rede coletora de esgoto, com 835 ligações domiciliares, e 1,8 mil metros de interceptores, atingindo índice de 100% do município com rede coletora de esgoto implantada. As ligações devem beneficiar quase 3 mil pessoas.

Angélica – O governo federal aprovou o repasse de R$ 7,67 milhões à Sanesul para ampliação do sistema de esgotamento sanitário. Está prevista a implantação de 35,5 km de rede coletora de esgoto, 1.179 ligações domiciliares, estação elevatória e nova Estação de Tratamento de Esgoto (ETE). A ação vai beneficiar pelo menos 4.800 pessoas.

Bataguassu – Mais uma obra a ser executada pela Sanesul. O governo federal vai investir R$ 4,1 milhões na ampliação do sistema de esgotamento sanitário. A obra prevê 70,7 km de rede coletora de esgoto, 3.858 ligações domiciliares, 6 estações elevatórias de esgoto e ampliação da Estação de Tratamento de Esgoto (ETE). Deve beneficiar diretamente mais de 13.000 pessoas

Bela Vista – A Prefeitura Municipal teve aprovado o repasse de R$ 1,79 milhão para ampliação e melhoria do sistema de esgotamento sanitário. Serão implantadas 3 estações elevatórias de esgoto bruto na região dos bairros Água Doce e Nova Bela Vista, 21 km de rede coletora de esgoto e 1.100 ligações domiciliares. A ação vai beneficiar 2.650 pessoas.

Deodápolis – A Sanesul receberá do governo federal R$ 1,36 milhão para obras de ampliação e melhorias do sistema de esgotamento sanitário. Haverá implantação de poço tubular profundo, adução, reservação, estação elevatória e rede de distribuição, que permitirão atender a demanda atual e futura do município. Famílias beneficiadas: 3.474 (10.709 pessoas).

Dois Irmãos do Buriti – O governo federal vai investir R$ 5,66 milhões na ampliação do sistema de esgotamento sanitário. A obra, a ser executada pela Sanesul, prevê 37,5 km de rede coletora, 1.500 ligações domiciliares, 1,13 km de coletor tronco, uma estação elevatória e 5,2 km de linha de recalque. Vai beneficiar 5.100 pessoas.

Glória de Dourados – A Prefeitura Municipal vai receber R$ 1 milhão para sistema de abastecimento de água. As obras devem incluir perfuração de poço tubular profundo, adutora de água bruta com 1,2 km, sistema de tratamento de cloração gasosa, construção de reservatório apoiado de 500 m3, adequação de Estação Elevatória de Água Tratada, ampliação e adequação da Rede de Distribuição e implantação de 120 ligações domiciliares de Água. Pelo menos 3.650 famílias (9.919 pessoas) serão beneficiadas.

Juti – Mais uma obra a ser executada pela Sanesul. O governo federal vai investir R$ 2,6 milhões na ampliação do sistema de esgotamento sanitário. Serão 41 km de rede coletora, 810 ligações domiciliares, 4 estações elevatórias, 4 linhas de recalque e implantação de Estação de Tratamento de Esgoto (ETE). As obras vão beneficiar 2.592 pessoas.

Novo Horizonte do Sul – Haverá ampliação do sistema de esgotamento sanitário. A Sanesul vai receber do governo federal o valor de R$ 2,36 milhões, que serão aplicados na implantação de 18,6 km de rede coletora, 1.018 ligações domiciliares, construção de duas estações elevatórias de esgoto, 1,5 km de linha de recalque e melhorias na Estação de Tratamento de Esgoto (ETE). A ação vai beneficiar 3.156 pessoas.

Rio Verde de Mato Grosso – O governo federal vai repassar à Prefeitura Municipal R$ 2,23 milhões, que serão investidos na implantação de rede de esgotamento sanitário no Bairro Campo Alegre. A obra deve beneficiar diretamente 808 famílias (2.424 pessoas).

Santa Rita do Pardo – O governo federal aprovou o repasse de R$ 1,7 milhão à Sanesul para ampliação do sistema de esgotamento sanitário. Serão implantadas rede coletora de esgoto, ligações domiciliares e 3 estações elevatórias com suas respectivas linhas de recalque. Serão beneficiadas 1.359 famílias (3.500 pessoas).

Sidrolândia – O governo federal vai investir R$ 2,4 milhões no sistema de abastecimento de água. A obra, a ser executada pela Sanesul, prevê otimização das elevatórias, ampliação dos sistemas de cloração e fluoretação, implantação de 2,7 km de adutoras, implantação de 10,2 km de rede, construção de 2 centros de reservação e reforço e substituição de redes. A ação deve beneficiar 12.979 famílias (42.026 pessoas).

Jornal Midiamax