Geral

MP instaura inquérito a denúncia de falta de repasse de prefeitura à associação

O Ministério Público do Estado (MPE) instaurou o inquérito civil 075/2013 para apurar a possível falta de repasse de recursos da Prefeitura de Campo Grande, durante a gestão do ex-prefeito Alcides Bernal (PP), à Associação Cristã Pais e Filhos. Segundo o Diário Oficial do MP, a instituição vai apurar “eventuais irregularidades cometidas pela Prefeitura Municipal […]

Arquivo Publicado em 10/04/2014, às 11h20

None

O Ministério Público do Estado (MPE) instaurou o inquérito civil 075/2013 para apurar a possível falta de repasse de recursos da Prefeitura de Campo Grande, durante a gestão do ex-prefeito Alcides Bernal (PP), à Associação Cristã Pais e Filhos.


Segundo o Diário Oficial do MP, a instituição vai apurar “eventuais irregularidades cometidas pela Prefeitura Municipal de Campo Grande-MS em razão do descumprimento do Convênio nº 197-A/2013, firmado com a Associação Cristã Pais e Filhos, uma vez que o Município não estaria efetuando o repasse financeiro acordado desde 30/07/2013”.


A investigação será realizada pela 30ª Promotoria de Justiça do Patrimônio Público e Social da Comarca de Campo Grande, pelo promotor Alexandre Pinto Capiberibe Saldanha, que converteu o procedimento preparatório em inquérito civil.

Jornal Midiamax