Geral

Ministério Público apura uso do site oficial de prefeitura para promoção pessoal em MS

A Promotoria de Justiça da Comarca de Pedro Gomes instaurou um procedimento preparatório para apurar suposto uso do site institucional da prefeitura daquela cidade para a promoção pessoal do prefeito Francisco Vanderley Mota (PT). O edital foi publicado no Diário Oficial desta quinta-feira (10). A Prefeitura diz que não cometeu nenhum crime. O procedimento preparatório […]

Arquivo Publicado em 10/04/2014, às 12h00

None

A Promotoria de Justiça da Comarca de Pedro Gomes instaurou um procedimento preparatório para apurar suposto uso do site institucional da prefeitura daquela cidade para a promoção pessoal do prefeito Francisco Vanderley Mota (PT). O edital foi publicado no Diário Oficial desta quinta-feira (10). A Prefeitura diz que não cometeu nenhum crime.

O procedimento preparatório foi aberto pelo promotor de Justiça substituto Matheus Carim Bucker.

Por meio da assessoria de imprensa, a prefeitura informou que a investigação foi provocada por um vereador da oposição que procurou o MPE (Ministério Público Estadual) após o site veicular notícia sobre um prêmio que o prefeito recebeu.

No entendimento do Executivo, não houve promoção pessoal porque a matéria não falava do prefeito, mas do prêmio e um dos princípios da administração é a publicidade.

Ainda segundo a assessoria, a prefeitura divulga todos os atos do chefe do Poder Executivo.

Jornal Midiamax