Geral

Massa destaca evolução da Williams: “Era possível ficar entre os quatro”

Felipe Massa chegou a ficar bem perto da pole position no GP de Cingapura, mas viu seus rivais melhorarem seus tempos e ele ficou em sexto no grid. O piloto da Williams demonstrou otimismo para a corrida deste domingo no circuito de Marina Bay e elogiou a Williams. O brasileiro destacou a correção de um […]

Arquivo Publicado em 20/09/2014, às 19h00

None

Felipe Massa chegou a ficar bem perto da pole position no GP de Cingapura, mas viu seus rivais melhorarem seus tempos e ele ficou em sexto no grid. O piloto da Williams demonstrou otimismo para a corrida deste domingo no circuito de Marina Bay e elogiou a Williams. O brasileiro destacou a correção de um problema no carro e espera por um bom resultado.


“Ficar entre os quatro primeiros no grid era possível, especialmente considerando o quanto [o treino] foi acirrado, mas sexto é uma posição sólida. O que realmente nos encoraja é que identificamos o problema que tivemos na sexta-feira e as mudanças melhoraram o carro, como esperávamos após o bom trabalho da equipe”, disse Massa.


O brasileiro até liderou o Q3 após a primeira tentativa de volta rápida dos principais pilotos. Na segunda, Massa até melhorou um pouco sua marca, mas não o suficiente para se sustentar em primeiro. Mesmo assim, ele gostou do desempenho do carro. “Foi um treino promissor para nós. Fizemos grandes melhorias se compararmos com a sexta-feira e estamos no meio das equipes que estão perto de nós no campeonato”, disse.


A disputa acirrada vista no treino deste sábado foi apenas um aperitivo para uma corrida bem disputada, segundo Massa. “Amanhã será duro. Esta é a corrida mais longa da temporada. As condições são desafiadoras e pode haver várias entradas do safety car na pista. Por isso, nossa ideia inicial é levar os dois carros da equipe à zona de pontuação”, completou.

Jornal Midiamax