Geral

Mamógrafo ativado hoje ficou um ano parado em sala do CEM, lembra prefeito

Um ano. Este foi o tempo que um mamógrafo novo ficou aguardando para entrar em operação no CEM (Centro de Especialidades Médicas) de Campo Grande, revelou o prefeito, Gilmar Olarte, na manhã desta quarta-feira. O equipamento foi obtido por meio e emenda parlamentar, no valor de R$ 119 mil. No entanto, segundo o prefeito, era […]

Arquivo Publicado em 09/04/2014, às 13h16

None
1526788503.jpg

Um ano. Este foi o tempo que um mamógrafo novo ficou aguardando para entrar em operação no CEM (Centro de Especialidades Médicas) de Campo Grande, revelou o prefeito, Gilmar Olarte, na manhã desta quarta-feira.

O equipamento foi obtido por meio e emenda parlamentar, no valor de R$ 119 mil. No entanto, segundo o prefeito, era necessário fazer uma adequação no equipamento, para que ele funcionasse em modo digital.

Uma mudança relativamente simples, segundo Olarte. O sistema digital permite exames em alta resolução.

O equipamento foi colocado em operação hoje no CEM. Uma das pacientes, a vendedora autônoma Maria do Socorro, 56 anos, acha que vai esperar menos tempo a partir de agora quando for fazer sua mamografia anual.

Ela contou que costumava esperar quase dois meses pelo exame. Desta vez, o agendamento foi feito no dia 23 de março, ou seja, uma espera de 17 dias.

Jornal Midiamax