A mãe de uma criança de 2 anos, foi presa por desacato e dano ao patrimônio público nesta terça-feira (29), durante a visita de uma equipe do Conselho Tutelar à sua casa, localizada no Bairro Paulo Coelho Machado em Campo Grande.

Uma equipe do Conselho da região sul foi ao local por conta de denúncias de maus-tratos. Vizinhos denunciaram a mãe por espancar o menino e o deixar com fome. “Batemos palma por aproximadamente trinta minutos”, disse um integrante da equipe que preferiu não se identificar.

Com a chegada da Polícia Militar, a mulher então deixou que entrassem. Ainda de acordo com a equipe, ela os chamavam de “palhaços”, “vagabundos” e perguntava se “não tinham nada para fazer”.

Dentro da residência, os conselheiros se depararam com a criança somente de fralda nesse tempo frio e aparentemente dopada. No momento em que era encaminhada à delegacia, ela tentou agredir os servidores públicos, deu chutes no veículo do conselho, tirou a chave do contato e a jogou fora.

A criança foi encaminhada a um abrigo e depois será levada ao Imol (Instituto Médico Odontológico Legal), para fazer exames de corpo de delito. A mulher que foi presa por desacato e dano ao patrimônio público foi levada a Delegacia de Pronto Atendimento Comunitário (Depac), Piratininga. A guarda do menor será decidida pela Justiça.