Geral

Leão recusa convite para ser comentarista em TV na copa

O time de ex-jogadores da seleção brasileira que irão comentar a Copa do Mundo na televisão esteve perto de ganhar um reforço de peso e polêmico: Emerson Leão. O ex-goleiro conhecido por suas opiniões firmes, no entanto, não deverá marcar presença na telinha durante o mundial do Brasil. Convidado pela Fox Sports para integrar o […]

Arquivo Publicado em 03/05/2014, às 15h22

None

O time de ex-jogadores da seleção brasileira que irão comentar a Copa do Mundo na televisão esteve perto de ganhar um reforço de peso e polêmico: Emerson Leão. O ex-goleiro conhecido por suas opiniões firmes, no entanto, não deverá marcar presença na telinha durante o mundial do Brasil.


Convidado pela Fox Sports para integrar o time da emissora durante a competição, Leão não gostou da ideia de não ser um dos principais comentaristas do canal nos estádios dos jogos e recusou a proposta.


“Esse convite da Fox aconteceu, mas as circunstâncias não me agradaram. Eu teria que ficar em estúdio, fora de estádio e trabalhar no canal dois [Fox Sports 2] deles. Não me senti à vontade, ficaria muito confinado. Agradeci demais a lembrança, mas não quis. Não era exatamente isso que eu pensava”, explicou.


Procurados pela reportagem para comentar a negociação com Leão, diretores da Fox confirmaram a conversa com o ex-jogador e treinador, informando ainda que tudo não passou de um almoço em São Paulo. Os membros do canal ainda contaram que o quadro de comentaristas para a Copa do Mundo já está fechado.


E a ideia de trabalhar na TV segue viva na cabeça de Emerson Leão. Dizendo viver uma fase de transição longe dos bancos de reservas, ele ainda pensa em assumir o posto de comentarista em algum canal e revelou uma sondagem de outra empresa.


“Não foi apenas a Fox. Falei com a Band também. Eles me procuraram, conversaram e eu falei para sentarmos depois. Mas não retomaram o contato. Foi só uma sondagem. Seria uma possibilidade. Estou em uma fase de transição na minha vida e penso, sim, em trabalhar na TV. Ainda tem a situação de ser diretor executivo. Estou estudando as possibilidades e não descarto nada”.


Em dúvida entre ser comentarista ou diretor executivo, Leão também não descarta voltar a trabalhar como técnico, função que não exerce desde 2012, quando trabalhou no São Caetano.


“Não posso dizer que desisti de ser técnico. Toda profissão é para sempre. Não chega a ser minha prioridade. Hoje tenho minha atividade rural, viajo uns dez dias por mês para cuidar da minha fazenda e tenho outros planos com o futebol. Mas se pintar algo que me seduza, posso aceitar”, encerrou.

Jornal Midiamax