Geral

Jovem é identificado como suspeito de matar e colocar fogo em homem no interior de MS

Um homem de 22 anos foi identificado nesta terça-feira (24), como suspeito de matar o comerciante Luís Alberto Rogeski, de 59 anos, em Costa Rica, a 384 quilômetros de Campo Grande. Carlos Gonçalves Moreira, conhecido como ‘Homem Aranha’ teria matado Luís Alberto ao ser surpreendido pelo comerciante furtando um mercado. De acordo com o site […]

Arquivo Publicado em 24/06/2014, às 21h31

None

Um homem de 22 anos foi identificado nesta terça-feira (24), como suspeito de matar o comerciante Luís Alberto Rogeski, de 59 anos, em Costa Rica, a 384 quilômetros de Campo Grande. Carlos Gonçalves Moreira, conhecido como ‘Homem Aranha’ teria matado Luís Alberto ao ser surpreendido pelo comerciante furtando um mercado.


De acordo com o site Eu Conto Tudo, Moreira já teria praticado pelo menos cinco crimes na cidade. Ele ganhou o apelido de ‘Homem Aranha’ ao cometer furtos, escalando locais altos e já esteve preso.


A Polícia Civil informou à imprensa local que Moreira foi surpreendido pelo proprietário do mercado. Ele matou o comerciante, colocou fogo no corpo e fugiu da cidade. A polícia realiza buscas para localizar o suspeito.

Jornal Midiamax