Geral

Indonésia proíbe filme “Noé” por motivos religiosos

As autoridades da Indonésia, um país de maioria muçulmana, proibiram a projeção do filme “Noé”, do diretor Darren Aronofsky, por questões religiosas, informou nesta terça-feira a imprensa local. De acordo com a Junta de Censura Cinematográfica do país, a proibição está relacionada a uma representação imprópria do profeta muçulmano, a qual vai contra as doutrinas […]

Arquivo Publicado em 25/03/2014, às 13h35

None

As autoridades da Indonésia, um país de maioria muçulmana, proibiram a projeção do filme “Noé”, do diretor Darren Aronofsky, por questões religiosas, informou nesta terça-feira a imprensa local.


De acordo com a Junta de Censura Cinematográfica do país, a proibição está relacionada a uma representação imprópria do profeta muçulmano, a qual vai contra as doutrinas e valores islâmicos.


O diretor indonésio Joko Anwar explicou ao jornal local Jakarta Globe que esta medida costuma ser aplicada para “evitar agitações e protestos por parte de grupos extremistas”.


O longa-metragem, que traz Jennifer Connelly, Anthony Hopkins e Russell Crowe no elenco, também foi proibido nos Emirados Árabes Unidos, Catar e Bahrein.

Jornal Midiamax