Geral

Imagens que registraram a ação de vândalos em terminal em frente do Shopping serão analisadas

A assessoria de comunicação da Assetur (Associação das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Campo Grande) disse que registrou um boletim de ocorrência sobre a invasão ocorrida na madrugada desta quarta-feira (1°) na Estação PegFácil Shopping Campo Grande e que o vídeo que registrou a ação dos vândalos foi repassado à polícia. Segundo a assessoria […]

Arquivo Publicado em 01/10/2014, às 13h59

None
2078553551.jpg

A assessoria de comunicação da Assetur (Associação das Empresas de Transporte Coletivo Urbano de Campo Grande) disse que registrou um boletim de ocorrência sobre a invasão ocorrida na madrugada desta quarta-feira (1°) na Estação PegFácil Shopping Campo Grande e que o vídeo que registrou a ação dos vândalos foi repassado à polícia.

Segundo a assessoria de comunicação, até o momento as imagens não foram analisadas. O grupo invadiu o local, destruiu bancos realizou pichações e furtou algumas câmeras de segurança do terminal de transbordo.

De acordo com a Agetran em média, 103 mil pessoas passam pelo local todos os meses. Esta não é a primeira vez que a Estação PegFácil é alvo de vândalos. Em fevereiro do ano passado, um grupo de 15 jovens realizou um arrastão no ponto de ônibus.

A assessoria de comunicação disse que a segurança do local é realizada pela Guarda Municipal com apoio da PM (Polícia Militar), porém se comprometeu a solicitar reforço para evitar novos ataques e informou ter realizado levantamento sobre as necessidades dos terminais de transbordo e Estações PegFácil.

A assessoria de comunicação ressaltou ainda que em alguns casos, os usuários são responsáveis pela deterioração do local e destacou as pichações e depredações de banheiros e torneiras.

A equipe de reportagem falou com a assessoria de comunicação da Guarda Municipal, no entanto, ela afirmou que não tinha conhecimento do fato. A Polícia Militar informou de que a segurança do local é responsabilidade da Guarda Municipal e que não recebeu nenhum pedido de apoio ou ocorrência na área.

WhatsApp: fale com os jornalistas do Midiamax

O leitor enviou as imagens pelo WhatsApp da redação, no número (67) 9207-4330. O canal de comunicação serve para os leitores falarem diretamente com os jornalistas do Midiamax. Flagrantes inusitados, denúncias, reclamações e sugestões podem ser enviados com total anonimato garantido pela lei.

Jornal Midiamax