Geral

‘Homem da habitação’ e pré-candidato, Marun deixa calendário e cartão em casas populares

As famílias que receberem as chaves dos novos apartamentos do Residencial Nelson Trad, no Jardim Carioca, em Campo Grande, na manhã desta quarta-feira (11), ganharão um presente a mais: cartão de parabéns e calendário assinados pelo deputado estadual Carlos Marun (PMDB). Pré-candidato a deputado federal nas próximas eleições e ligado à área da habitação popular […]

Arquivo Publicado em 11/06/2014, às 15h12

None
350550418.jpg

As famílias que receberem as chaves dos novos apartamentos do Residencial Nelson Trad, no Jardim Carioca, em Campo Grande, na manhã desta quarta-feira (11), ganharão um presente a mais: cartão de parabéns e calendário assinados pelo deputado estadual Carlos Marun (PMDB).

Pré-candidato a deputado federal nas próximas eleições e ligado à área da habitação popular em Campo Grande desde a primeira gestão de André Puccinelli (PMDB) na prefeitura, iniciada em 1997, Marun espalhou as lembranças em unidades dos 808 imóveis entregues nesta quarta-feira (11).

‘Escorregada’

No discurso durante a solenidade de inauguração dos apartamentos, Marun ‘escorregou’ ao falar que sairá “de casa em casa tomando um cafezinho e pedindo votos”. Foi interpelado por Puccinelli, ao pé do ouvido, e reforçou em seguida: “eu vou pedir, disse que vou pedir”, já que qualquer pedido direto de voto antes do dia 5 de julho fere a legislação eleitoral.

Marun foi o ‘homem da habitação’ durante as duas gestões de Puccinelli no Executivo da Capital, entre 1997 e 2005, e no governo do Estado, de 2007 até reassumir, este ano, vaga de deputado na Assembleia Legislativa para encampar projeto visando uma cadeira na Câmara dos Deputados.

Quando a reportagem encontrou o material do deputado nos apartamentos, ele já havia deixado o local. Em seguida, o Midiamax tentou contato com o parlamentar por telefone celular e no gabinete na Assembleia Legislativa, sem sucesso.

Verba federal

A primeira etapa do Residencial Nelson Trad, entregue nesta manhã, foi construída com recursos do programa Minha Casa, Minha Vida, do governo federal, e contrapartida do município. Segundo as informações oficiais, foram investidos R$ 90 milhões nos 808 apartamentos.

Jornal Midiamax