Geral

Funai enviará técnicos de outros Estados para avaliar benfeitorias na Terra Indígena Buriti

A Fundação Nacional do Índio (Funai) determinou que técnicos de outros Estados façam o levantamento e avaliações de benfeitorias dos fazendeiros na Terra Indígena Buriti, nas regiões de Dois Irmãos do Buriti e Sidrolândia, em Mato Grosso do Sul. Segundo a portaria n° 225, publicada nesta quinta-feira (20) no Diário Oficial da União, serão designados […]

Arquivo Publicado em 20/03/2014, às 12h57

None

A Fundação Nacional do Índio (Funai) determinou que técnicos de outros Estados façam o levantamento e avaliações de benfeitorias dos fazendeiros na Terra Indígena Buriti, nas regiões de Dois Irmãos do Buriti e Sidrolândia, em Mato Grosso do Sul.


Segundo a portaria n° 225, publicada nesta quinta-feira (20) no Diário Oficial da União, serão designados para compor o Grupo Técnico os servidores Marcelo Antonio Elihimas, Engenheiro Agrônomo, CR Nordeste I, coordenador dos trabalhos; Conceição Pereira da Costa, Técnico em Agricultura e Pecuária, CR Araguaia Tocantins e José Augusto da Silva, Técnico em Agricultura e Pecuária, CR Nordeste I.


O grupo trabalhará em Ponta Porã, Campo Grande, Dois Irmãos do Buriti e Sidrolândia e terá  18 dias para execução do levantamento de campo, apresentação do relatório fundiário e do material técnico da avaliação das benfeitorias, a contar de 31 de março de 2014.


A portaria pede que a Funai em Mato Grosso do Sul coloque a missão como prioridade para não impedir a continuidade de atividades no processo de regularização fundiária da Terra Indígena Buriti.
Os produtores tinham pedido R$ 150 milhões de indenização pelas benfeitorias na área, mas o Ministério da Justiça anunciou que o Estado pagaria R$ 78 milhões. Agora, o Ministério avalia outro valor para a compra das terras.

Jornal Midiamax