Geral

Fim do Windows XP faz bancos correrem para atualizar caixas

Bancos privados brasileiros estão correndo contra o tempo para atualizar seus caixas eletrônicos até o fim do mês, os dispositivos usam Windows XP, sistema operacional que a Microsoft deixará de atualizar a partir do dia 8 de abril. Segundo o jornal Folha de S.Paulo, são 100 mil equipamentos que precisam ser atualizados apenas entre as […]

Arquivo Publicado em 19/03/2014, às 12h36

None
1947626279.jpg

Bancos privados brasileiros estão correndo contra o tempo para atualizar seus caixas eletrônicos até o fim do mês, os dispositivos usam Windows XP, sistema operacional que a Microsoft deixará de atualizar a partir do dia 8 de abril. Segundo o jornal Folha de S.Paulo, são 100 mil equipamentos que precisam ser atualizados apenas entre as grandes instituições. Para fazer a atualização no caixa é necessária uma equipe no local, afirmou ao jornal Marcos Birocchi, especialista em software.

O Santander tem 18 mil e pediu a Microsoft para prorrogar o suporte, até que todos os caixas sejam atualizados. O banco Bradesco tem 34 mil caixas e está atualizado seu sistema para o Windows 7; e o Itaú Unibanco, com 40 mil caixas, afirmou que está trabalhando na migração do sistema. O custo da operação por licença, ou seja, por caixa é R$ 200. Apenas o Bradesco gastará R$ 6,8 milhões na atualização. O Banco do Brasil e a Caixa, que estão entre os cinco maiores banco do País, usam o sistema operacional Linux – um sistema aberto e gratuito.

Jornal Midiamax