Geral

Extra diz que produtos impróprios foram descartados depois de batida da vigilância sanitária

O hipermercado Extra informou ao Midiamax, por meio de nota, que a rede possui rigorosos procedimentos para garantir a qualidade dos produtos. Sobre as irregularidades encontradas nesta quarta-feira (11), o hipermercado garantiu que os produtos foram imediatamente descartados e os demais itens foram prontamente corrigidos. Nesta quarta, uma ação conjunta entre a Decon (Delegacia...

Arquivo Publicado em 11/06/2014, às 22h16

None

O hipermercado Extra informou ao Midiamax, por meio de nota, que a rede possui rigorosos procedimentos para garantir a qualidade dos produtos. Sobre as irregularidades encontradas nesta quarta-feira (11), o hipermercado garantiu que os produtos foram imediatamente descartados e os demais itens foram prontamente corrigidos.


Nesta quarta, uma ação conjunta entre a Decon (Delegacia Especializada de Repressão aos Crimes Contra as Relações de Consumo), MPE (Ministério Público Estadual), Vigilância Sanitária e Procon recolheu diversos produtos impróprios para consumo no Extra da Rua Joaquim Murtinho.


Os fiscais encontraram produtos vencidos, abertos e impróprios para consumo, como congelados fora da temperatura sugerida pelo fabricante. O hipermercado pode ser notificado e até autuado pela 25ª Promotoria de Justiça, dependendo da quantidade de produtos vencidos. Além dos produtos alimentícios, a ação também averiguou outras denúncias como propaganda enganosa ou venda de produto abaixo de seu preço porque a validade está expirando.


Leia a nota na íntegra:


Campo Grande, MS – 11 de junho de 2014 – O Extra pauta suas ações com respeito as legislações vigentes, buscando um atendimento de excelência e qualidade aos consumidores que frequentam seus estabelecimentos. A rede esclarece que possui rigorosos procedimentos que garantem a qualidade na exposição e manipulação de seus produtos. No que diz respeito as irregularidades apontadas a empresa informa que os produtos foram imediatamente descartados e os demais itens foram prontamente corrigidos. A loja opera normalmente.

Jornal Midiamax