Geral

Excesso de convidados em camarote gera confusão na Sapucaí

Convidados do camarote Paradise Weekend, na Sapucaí, causaram um tumulto na entrada 2 do Sambódromo na madrugada deste domingo. Alguns chegaram a brigar com seguranças contratados pela Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa). De acordo com representantes da Liesa consultados, tudo aconteceu porque a empresa responsável pelo camarote, em que estavam os atores Bruno […]

Arquivo Publicado em 02/03/2014, às 10h44

None

Convidados do camarote Paradise Weekend, na Sapucaí, causaram um tumulto na entrada 2 do Sambódromo na madrugada deste domingo. Alguns chegaram a brigar com seguranças contratados pela Liga Independente das Escolas de Samba (Liesa).


De acordo com representantes da Liesa consultados, tudo aconteceu porque a empresa responsável pelo camarote, em que estavam os atores Bruno Gissone e Lui Mendes, vendeu mais ingressos do que deveria. “Eles venderam mais convites do que suporta o camarote e a Liesa mandou travar a portaria” explicou um funcionário que não se identificou.


Assustadas, algumas convidadas queriam ir embora do Sambódromo sem mesmo entrar no camarote. “Paguei R$ 3 mil para vir aqui e ser tratada de forma grosseira pelos seguranças”, reclamou uma das jovens vestida com a camisa da empresa, especializada em festas eletrônicas.


A reportagem procurou representantes para saber a versão deles da confusão, mas ninguém quis falar.


Para quem conseguiu entrar a confusão não acabou aí. A fila na porta do camarote superlotado era imensa. A Liesa informou que a empresa responsável pelo camarote tentou empurrar alguns dos convidados para o setor 12, uma área popular no fim da avenida, onde se vê a escola passar quase na dispersão. Muitos recusaram e preferiram ir embora.

Jornal Midiamax