Geral

Ex-diretor-presidente da Emha diz nunca ter ouvido falar sobre perda de R$ 171 milhões

O ex-diretor-presidente da Agência Municipal de Habitação de Campo Grande (Emha), Dirceu Peters disse nunca ter ouvido falar sobre a perda de R$ 171 milhões, conforme divulgado pelo prefeito da Capital, Gilmar Olarte (PP), nesta segunda-feira (24). “Nos dois meses e pouco que fiquei na secretaria nunca ouvi falar nestes R$ 171 milhões”, afirmou o […]

Arquivo Publicado em 24/03/2014, às 20h59

None

O ex-diretor-presidente da Agência Municipal de Habitação de Campo Grande (Emha), Dirceu Peters disse nunca ter ouvido falar sobre a perda de R$ 171 milhões, conforme divulgado pelo prefeito da Capital, Gilmar Olarte (PP), nesta segunda-feira (24).


“Nos dois meses e pouco que fiquei na secretaria nunca ouvi falar nestes R$ 171 milhões”, afirmou o ex-secretário. Segundo Peters, a alegação de que não foram inauguradas unidades habitacionais é em decorrência da falta de tempo. “Não se constrói conjunto em um ano. Foram contratos em 2012”, defendeu.


Sobre o conjunto José Macksoud, o ex-diretor da Emha explicou que a obra foi feita para abrigar os desalojados pelas obras do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) 2. “Essas unidades não são do défict habitacional”, alegou.


Segundo o relatório, falta licitar o Centro Comunitário e falta o alvará de construção das casas adaptadas para pessoas com deficiência. “O Centro Comunitário foi projetado para ser construído onde está o canteiro de obras, então tem de esperar terminar tudo para fazer. Além disso, não tem dinheiro para a construção do Centro Comunitário”, pontuou Peters.


Já sobre o conjunto Nelson Trad, Peters ressaltou que o projeto social foi enviado para a Secretaria de Administração no dia 11 de março, um dia antes da cassação do ex-prefeito Alcides Bernal (PP). “Posso até adiantar que a proposta é de modelo pregão”, rebateu.


Outra consideração do ex-diretor da Emha foi em relação à data de inauguração do conjunto que está praticamente pronto. “É a Caixa Federal que marca a data de inauguração. Eu fui informado na Caixa que será no fim de abril com a presença da presidente da República”, finalizou Peters.

Jornal Midiamax