Epidemia de ebola só será controlada em seis meses, prevê ONG

A presidente da organização não governamental Médicos Sem Fronteiras disse nesta sexta-feira (15) que vai demorar cerca de seis meses para que a epidemia de ebola – já matou mais de mil pessoas – seja controlada no oeste da África. Joanne Lui disse em Genebra que controlar o surto na Libéria é fundamental para conter […]
| 16/08/2014
- 05:55
Epidemia de ebola só será controlada em seis meses, prevê ONG

A presidente da organização não governamental Médicos Sem Fronteiras disse nesta sexta-feira (15) que vai demorar cerca de seis meses para que a epidemia de ebola – já matou mais de mil pessoas – seja controlada no oeste da África.

Joanne Lui disse em Genebra que controlar o surto na Libéria é fundamental para conter a epidemia e fez um apelo para que mais profissionais de saúde internacionais com experiência prática se juntem aos esforços contra a doença.

Segundo ela, postos de saúde estão superlotados na África. Até agora, oito profissionais de saúde já morreram contaminados com o ebola nesta epidemia.

Por sua vez, a OMS (Organização Mundial de Saúde) afirmou que a escala do surto de ebola pode ter sido “muito subestimada” e que seus funcionários viram provas de que os números de casos não refletem o tamanho da crise.

“Funcionários nos locais onde ocorre o surto viram provas de que os números de casos e mortes registrados subestimam muito a magnitude do surto. A OMS está coordenando um grande aumento na resposta internacional (à doença)”, informou a OMS.

A OMS afirmou que são necessárias “medidas extraordinárias” para conter a doença.

A organização diz que deslocou 500 pessoas para ajudar no combate ao ebola e que lançou uma campanha para arrecadar US$ 100 milhões para esse fim.

Últimas notícias