Geral

Em MS, traficante grávida de 7 meses usava genitália para esconder ‘paradinhas’

Foi presa ontem (25), por volta das 23 horas, Sandra Teodoro de Carvalho, conhecida como “Sandrinha” comercializando drogas no bairro Flávio Garcia, em Coxim – a 243 quilômetros de Campo Grande. Mesmo grávida de 7 meses, ela foi flagrada pela Rotai (Rondas Ostensivas e Táticas do Interior) vendendo drogas na Avenida Afonso Costa Campos. Sandrinha […]

Arquivo Publicado em 26/03/2014, às 10h14

None
1287705092.jpg

Foi presa ontem (25), por volta das 23 horas, Sandra Teodoro de Carvalho, conhecida como “Sandrinha” comercializando drogas no bairro Flávio Garcia, em Coxim – a 243 quilômetros de Campo Grande.

Mesmo grávida de 7 meses, ela foi flagrada pela Rotai (Rondas Ostensivas e Táticas do Interior) vendendo drogas na Avenida Afonso Costa Campos. Sandrinha confessou o tráfico e ainda disse que estava com cinco paradinhas introduzidas na genitália.

Ela confessou também que pegava o entorpecente com seu irmão, Fábio Teodoro de Carvalho, 38 anos, morador no mesmo bairro.

De acordo com a grávida, a negociação funcionava em cada 20 paradinhas vendidas ela tinha o direito de ficar com o lucro de seis. O dinheiro das outras 12 era repassado ao irmão.

A polícia de posse das informações foi até o endereço informado, onde encontrou no local um “tijolo” de cocaína, que renderia mais de 70 paradinhas, além de 12 já prontas para venda, duas porções de maconha, cinco celulares e R$ 172, assim como apetrechos utilizados no preparo dos entorpecentes.

Carvalho também foi preso em flagrante e encaminhado para a Polícia Civil. Sandra já tinha passagem por crime semelhante, assim como seu marido, que é considerado foragido da Justiça por tráfico de entorpecentes. (Com informações Edição Notícias)

Jornal Midiamax