Geral

Em Congresso na Espanha Tatiana defende ação por direitos fundamentais dos cidadãos

A professora universitária Tatiana Ujacow participou, na quinta e sexta-feira da semana passada, do Congresso Internacional da História dos Direitos Humanos, na Universidade de Salamanca, na Espanha. Em sua palestra, sobre Direitos Humanos, Tatiana ressaltou que os direitos humanos alcançam toda a pessoa humana e é inadmissível que no ano de 2014 ainda se lute […]

Arquivo Publicado em 28/04/2014, às 15h20

None
1287706036.jpg

A professora universitária Tatiana Ujacow participou, na quinta e sexta-feira da semana passada, do Congresso Internacional da História dos Direitos Humanos, na Universidade de Salamanca, na Espanha.

Em sua palestra, sobre Direitos Humanos, Tatiana ressaltou que os direitos humanos alcançam toda a pessoa humana e é inadmissível que no ano de 2014 ainda se lute para a efetivação de direitos básicos de todo o cidadão.

E esse direito básico de uma vida digna se traduz em direito a liberdade, igualdade, a condições dignas de trabalho, acesso à saúde, educação e à justiça.

Para a professora, o respeito pela dignidade das pessoas é um imperativo de sobrevivência da humanidade. Cada pessoa tem uma dignidade própria e cada um tem a obrigação de respeitar o indivíduo humano na sua própria pessoa e nas outras, cabendo, assim ao Estado, não só não ofender esses direitos como proteger e propiciar a efetivação desse princípio a toda pessoa.

Tatiana destaca que é preciso disseminar e resgatar em toda a sociedade que a busca pela concretização do princípio da dignidade da pessoa humana deve estar presente na vida de cada um.

“Enquanto houver desigualdades, e são tantas e de diversas naturezas entre os seres humanos, a própria humanidade sofre pela não efetivação desses direitos. É preciso romper com as correntes seculares que escravizam e causam tantos conflitos no mundo, de exploração do homem pelo homem, que resultam em contextos sociais e econômicos tão desiguais.”

Jornal Midiamax