Geral

Em audiência sobre saúde na Câmara, homem passa mal e Samu demora a chegar

O servidor público municipal aposentado Ivaldo Vieira da Silva, 45 anos, deu uma demonstração ao vivo sobre deficiências no sistema de saúde de Campo Grande na manhã desta quinta-feira (28), na Câmara Municipal, no dia em que o chefe da pasta, Jamal Salem, foi até o Legislativo falar de ações no setor. Ivaldo passou mal, […]

Arquivo Publicado em 28/08/2014, às 15h19

None
1213575563.jpg

O servidor público municipal aposentado Ivaldo Vieira da Silva, 45 anos, deu uma demonstração ao vivo sobre deficiências no sistema de saúde de Campo Grande na manhã desta quinta-feira (28), na Câmara Municipal, no dia em que o chefe da pasta, Jamal Salem, foi até o Legislativo falar de ações no setor.

Ivaldo passou mal, foi socorrido pelo próprio secretário e pelo vereador Paulo Siufi (PMDB), que são médicos. Mas, a espera pela chegada do Samu (Serviço de Atendimento Móvel de Urgência) chamou a atenção das próprias autoridades.

“Cadê a ambulância?”, perguntou Jamal em certo momento, ao que foi respondido por alguém: “o tempo de espera é de pelo menos sete minutos”. O Samu foi acionado ao meio-dia e, até as 12h18, Ivaldo permanecia deitado esperando a chegada do atendimento.

Segundo os médicos-políticos, Ivaldo passa bem. Segundo consta, ele faz uso de medicamentos controlados e teria se esquecido de ingerir uma das doses.



Jornal Midiamax