Geral

Elizabeth II realiza tradicional discurso no Parlamento

A rainha britânica Elizabeth II, de 84 anos, realizou nesta quarta-feira (4) o tradicional discurso para a abertura do ano parlamentar, o “Queens’s Speech”, no Palácio de Westminster, sede do Parlamento do Reino Unido em Londres. A rainha anunciou que o governo britânico se empenhará em “construir uma economia que premia quem trabalha duro”. A […]

Arquivo Publicado em 04/06/2014, às 11h09

None
1081921398.jpg

A rainha britânica Elizabeth II, de 84 anos, realizou nesta quarta-feira (4) o tradicional discurso para a abertura do ano parlamentar, o “Queens’s Speech”, no Palácio de Westminster, sede do Parlamento do Reino Unido em Londres.


A rainha anunciou que o governo britânico se empenhará em “construir uma economia que premia quem trabalha duro”.


A soberana anunciou uma série de medidas para promover a criação de postos de trabalho, diminuir a burocracia e fazer do Reino Unido o melhor lugar para criar uma companhia. Também anunciou a reforma do sistema previdenciário britânico.


O governo britânico “trabalhará para promover a reforma da União Europeia (UE), incluindo um papel mais forte para os Países membros e os Parlamentos nacionais”, disse Elizabeth II.


A rainha chegou ao Parlamento a bordo de uma nova carroça construída com algumas peças únicas da história britânica, entre elas, fragmentos do navio de guerra do rei Henrique VII e da macieira de Isaac Newton. A nova carroça foi construída em ocasião do Jubileu de Diamante que comemorou os 60 anos do reinado de Elizabeth II em 2012.


A carroça, que pesa toneladas e é puxada por seis cavalos, tem uma coroa de madeira enfeitada com folhas de ouro e foi construída na Austrália, esta é a segunda realizada nos últimos cem anos.


O tradicional discurso anual da rainha acontece segundo o antigo e solene ritual, na qual Elizabeth II sai em uma carroça do Palácio de Buckingham para o Parlamento, escoltada pela cavalaria real.


A soberana veste a coroa imperial e o manto e então chega à Câmara dos Lordes, onde se senta ao trono. Neste ponto, o funcionário, conhecido como Blakc Rod chama os parlamentares.


Para simbolizar a independência deles da realeza, a porta da Câmara é tradicionalmente fechada na cara do funcionário, até que este bate na porta com seu bastão.


Em seguida, os parlamentares seguem o Black Rod e o locutor da Câmara até a Lords Chamber, onde se posicionam do lado oposto do trono.

Jornal Midiamax