Geral

Edificações de MS são declaradas patrimônio culturais brasileiros e serão tombadas

Duas fortificações de Mato Grosso do Sul foram declaradas patrimônios culturais brasileiros e tiveram os tombamentos aprovados, conforme anunciado pelo Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural, na última quinta-feira (11). O Conselho aprovou o tombamento de seis fortificações construídas entre os séculos XVII e XX, entre elas o Forte Junqueira, em Corumbá, e a Base da […]

Arquivo Publicado em 16/09/2014, às 19h45

None
441542086.jpg

Duas fortificações de Mato Grosso do Sul foram declaradas patrimônios culturais brasileiros e tiveram os tombamentos aprovados, conforme anunciado pelo Conselho Consultivo do Patrimônio Cultural, na última quinta-feira (11).

O Conselho aprovou o tombamento de seis fortificações construídas entre os séculos XVII e XX, entre elas o Forte Junqueira, em Corumbá, e a Base da Marinha, em Ladário. Além dos dois, fortificações no Maranhão, Pará e Roraima serão tombadas. A decisão foi tomada em reunião do Conselho, no IPHAN (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional).

O site do IPHAN destacou o Forte Junqueira– erguido como posição auxiliar da grande praça forte planejada pelo Exército e a Base de Ladário – projetada como arsenal da Marinha na região, como de importância histórica “por constituírem testemunhos do processo que envolveu a Guerra do Paraguai“.

A publicação ainda relata que as edificações tinham a função de manter bases militares na fronteira com o Paraguai e impedir novos ataques, além de garantir o território brasileiro frente à requisição pela Argentina de território paraguaio junto ao atual Mato Grosso do Sul. A Base de Ladário conta ainda com um acervo de 15 peças de artilharia.

Jornal Midiamax