Geral

Duas faculdades de MS estão na mira do MEC em processo administrativo

Duas faculdades de Mato Grosso do Sul estão no processo administrativo que o MEC (Ministério da Educação) abriu para punir 79 instituições de educação superior que obtiveram resultados insatisfatórios no Índice Geral de Cursos (IGC) e que não tenham assinado Termo de Saneamento de Deficiências do MEC. A Faculdade de Administração de Nova Andradina (FANA) […]

Arquivo Publicado em 18/06/2014, às 14h55

None

Duas faculdades de Mato Grosso do Sul estão no processo administrativo que o MEC (Ministério da Educação) abriu para punir 79 instituições de educação superior que obtiveram resultados insatisfatórios no Índice Geral de Cursos (IGC) e que não tenham assinado Termo de Saneamento de Deficiências do MEC.


A Faculdade de Administração de Nova Andradina (FANA) e a Faculdade de Tecnologia de Nova Andradina tem 15 dias para apresentar defesa à Secretaria de Regulação e Supervisão da Educação Superior do MEC.


As instituições com o índice considerado insuficiente ficam impedidas de firmar novos contratos do Fies (Programa de Financiamento Estudantil), de participar de processo seletivo para oferta de bolsas do ProUni (Programa Universidade para Todos) e do Pronatec(Programa Nacional de Acesso ao Ensino Técnico e Emprego).

Jornal Midiamax