Geral

Dilma diz que Papa enviará mensagem contra o racismo para ser lida na Copa

Diante dos últimos casos de racismo que estouraram no esporte nos últimos dias, em especial a banana que jogaram em Daniel Alves na partida do Barcelona contra o Villarreal, no último domingo, que enclodiu em manifestações de apoio ao brasileiro por todo o mundo, até mesmo o Papa Francisco irá se posicionar publicamente sobre a […]

Arquivo Publicado em 29/04/2014, às 15h58

None

Diante dos últimos casos de racismo que estouraram no esporte nos últimos dias, em especial a banana que jogaram em Daniel Alves na partida do Barcelona contra o Villarreal, no último domingo, que enclodiu em manifestações de apoio ao brasileiro por todo o mundo, até mesmo o Papa Francisco irá se posicionar publicamente sobre a questão.


A presidente Dilma Roussef confirmou que o pontifície enviarará uma mensagem que será lida na abertura da Copa do mundo, no dia 12 de junho. O texto deve ser lida por um jogador da Seleção Brasileira antes da partida contra a Croácia, em São Paulo.


Segundo a presidente, o governo brasileiro está conversando com líderes de “outros segmentos religiosos” para que eles também enviem comunicados sobre o racismo durante o Mundial.


Ela voltou a elogiar a postura de Daniel Alves, que comeu a banana jogada sobre ele. “A partir de agora, somos todos macacos”, declarou Roussef, segundo à agência EFE, aderindo à campanha lançada pelo jogador Neymar após o caso com o companheiro.

Jornal Midiamax