Geral

Dilma defende investimentos em obras para enfrentar a seca

Ao inaugurar nesta quarta-feira, em Fortaleza, o Trecho 5 do Eixão das Águas, sistema que vai complementar a oferta de água no Ceará, a presidente Dilma Rousseff defendeu investimentos federais em obras estruturais para enfrentar a seca, e não apenas ações emergenciais. Segundo Dilma, junto com o Eixão das Águas, obras como o projeto de […]

Arquivo Publicado em 19/03/2014, às 21h51

None

Ao inaugurar nesta quarta-feira, em Fortaleza, o Trecho 5 do Eixão das Águas, sistema que vai complementar a oferta de água no Ceará, a presidente Dilma Rousseff defendeu investimentos federais em obras estruturais para enfrentar a seca, e não apenas ações emergenciais.


Segundo Dilma, junto com o Eixão das Águas, obras como o projeto de transposição do rio São Francisco e a construção de outros cinturões hídricos e barragens vão melhorar as condições de acesso à água em regiões que sofrem com a estiagem.


“O Brasil está mudando de forma qualitativa. Não estamos só fazendo pequenos trechos ou obras emergenciais. Esta é uma das obras estruturantes para segurança hídrica do Ceará. E é obra que não aparece, porque ninguém fica passando ali e olhando a água correr.


Mas essa obra que ninguém vê todos os dias é a obra cujos resultados a gente vê todos os dias, quando abre a torneira e toma um copo de água. Tem todo o sentido de garantir esse elemento fundamental para vida e produção”, disse a presidente, em discurso durante a cerimônia.

Jornal Midiamax