Geral

Debate no Marco promove discussões e reflexões sobre a literatura

“A gente não quer só comida, a gente quer comida, diversão e arte. A gente não quer só comida, a gente quer saída para qualquer parte”, a letra da música dos Titãs há muito já dizia…Não é só de comida que se vive o homem. A necessidade humana vai muito além do alimento, “a gente […]

Arquivo Publicado em 07/04/2014, às 22h28

None
280510163.JPG

“A gente não quer só comida, a gente quer comida, diversão e arte. A gente não quer só comida, a gente quer saída para qualquer parte”, a letra da música dos Titãs há muito já dizia…Não é só de comida que se vive o homem. A necessidade humana vai muito além do alimento, “a gente tem necessidade, desejo, vontade”, finalizava o hit do grupo de rock brasileiro.

E é exatamente isso que o projeto Arejando Idéias, um bate papo literário cujo tema é “Poesia na Mesa: o novo prato do dia” pretende discutir nesta quarta-feira (9), às 19 horas, no Museu de Arte Contemporânea (MARCO).

Arejando Idéias oportuniza discussões e reflexões sobre a literatura e temas afins. Surgido da necessidade de ampliar o mote de discussões do universo acadêmico para outros ambientes da sociedade, medindo o conhecimento, o evento contará com palestra seguida de interação pela plateia, interlocuções curtas sobre prosa e poesia, expressão artística, poesia clássica e contemporânea, figuras de linguagem, metáfora, a princesa da expressão artística, temática poética da contemporaneidade e o futuro da poesia.

O ministrante é Joaquim Moncks, de Porto Alegre, escritor, poeta, crítico literário, oficineiro de poesia e atual coordenador executivo da Casa do Poeta Brasileiro – Poebras Nacional, que está articulada em 77 sedes municipais em 22 estados brasileiros.

Ainda durante esta semana Moncks segue viagem para Corumbá, onde irá produzir a Oficinação Literária no Auditório do MUPHAN durante os dias 10,11 e 12 de abril para acadêmicos, professores, poetas e simpatizantes da literatura.

O bate papo literário “Poesia na Mesa: o novo prato do dia” acontece no Auditório do MARCO, que fica localizado na Rua Antônio Maria Coelho, 6000, Parque das Nações Indígenas. A entrada é franca. Outras informações podem ser obtidas na Gerência de Patrimônio Histórico e Cultural pelo telefone 3316-9108.

Jornal Midiamax