Geral

Dança flamenca mostra sua beleza entre saias, babados e sapateado nesta quinta-feira

Saias, babados e sapateado. Flores no cabelo, vermelho nos lábios, expressão no olhar. O ritmo guiado pelas palmas e pelo cântico espanhol vai tomar conta do palco do Teatro Aracy Balabanian do Centro Cultural José Octávio Guizzo em mais uma edição do projeto CenaSom com o espetáculo “Embrujos de España 25 anos”. Com a participação […]

Arquivo Publicado em 02/06/2014, às 19h40

None
973569785.jpg

Saias, babados e sapateado. Flores no cabelo, vermelho nos lábios, expressão no olhar. O ritmo guiado pelas palmas e pelo cântico espanhol vai tomar conta do palco do Teatro Aracy Balabanian do Centro Cultural José Octávio Guizzo em mais uma edição do projeto CenaSom com o espetáculo “Embrujos de España 25 anos”.

Com a participação do bailarino Anderson Alves (SP) e da cantora Miska Thomé (MS), a apresentação que comemora os 25 anos do grupo acontece nesta quinta-feira (5), às 20 horas. A classificação é livre e a duração é de aproximadamente 50 minutos

O espetáculo que estreou em outubro de 2013, com 22 bailarinos, mostra os encantos e a alegria de sapatear, bailar, sentir e expressar o corpo e a alma do flamenco espanhol.

Diretora artística do Embrujos e bisneta de espanhóis, Maria Helena Pettengill, explica que a apresentação está focada no que ela mais se preocupa: na formação da dança Flamenca para as próximas gerações.

“Para reapresentar o espetáculo foram feitas algumas modificações e novos quadros foram inseridos. Será repleto de emoção e traduzindo o que significa “Embrujos”: Feitiço. Um passeio pelos vários estilos do flamenco: bulerias, alegrias, soleás, fandangos, sevillanas e rumba flamenca. Utilizando castanholas, palmas, leques e figurino colorido torna-se um espetáculo alegre. Utilizaremos algumas imagens da trajetória do grupo durante seus 25 anos de atividades, homenageando bailarinos e pessoas que fizeram parte desta história”, comenta Maria Helena.

Os ingressos do espetáculo custam R$ 15,00 (inteira) e 7,50 (meia). A meia-entrada é valida para estudantes, professores, doadores de sangue e idosos (acima de 60 anos), com a apresentação de seu respectivo comprovante.

Mais informações podem ser obtidas pelos telefones 96131703. O Centro Cultural José Octávio Guizzo fica localizado na Rua 26 de Agosto, 453, entre a Calógeras e a 14 de Julho, no Centro.

Jornal Midiamax