Geral

Cruyff diz que o problema do Barça é Neymar: “Ninguém com 21 anos é Deus”

Ídolo histórico do Barcelona, o holandês Johan Cruyff voltou a falar sobre o que pensa sobre o clube catalão. Na sua visão, o problema do clube tem um nome: Neymar. “No Barcelona e em toda grande equipe, o chefe tem que ser o técnico. Por isso o Pep se foi do Barcelona, porque a diretoria […]

Arquivo Publicado em 25/03/2014, às 13h56

None

Ídolo histórico do Barcelona, o holandês Johan Cruyff voltou a falar sobre o que pensa sobre o clube catalão. Na sua visão, o problema do clube tem um nome: Neymar.


“No Barcelona e em toda grande equipe, o chefe tem que ser o técnico. Por isso o Pep se foi do Barcelona, porque a diretoria se metia. E o problema do Barcelona é o Neymar. É um grande jogador, isto é indiscutível, mas não se pode contratar um jogador de 21 anos e cobre mais do que jogadores que já ganharam tudo. Ninguém com 21 anos é Deus”, falou o holandês para o Diário Sport.


“Você já tem o melhor jogador do mundo, e um jogador com 21 anos não pode ser esta grande figura. Isto é impossível no futebol. Com 26 anos sim, mas com 21 é impossível”.


Cruyff deu a sua opinião sobre a vitória do Barcelona por 4 a 3 sobre o Real Madrid no superclássico realizado no último domingo. “Não pude ver porque estava voando. Quando me inteirei do resultado, foi uma surpresa pelo marcador elástico”.


Sobre a briga pelo título espanhol, o ex-jogador holandês não arriscou um palpite sobre quem será o campeão. “Todos os partidos serão como finais para Barcelona, Madrid e Atlético. É muito meritória a constância que está tendo o Atlético, mesmo sem ter um grande plantel”.

Jornal Midiamax