Geral

Criação de brasileiro, Flappy Generator alcança 700 mil acessos

Novas versões do Flappy Bird aparecem na internet a cada minuto. Programadores e desenvolvedores tentam entrar na onda do jogo que teve 50 milhões de downloads e sofreu uma morte precoce no último dia 9 de fevereiro. Para o brasileiro ficará mais fácil com a ferramenta Flappy Generator. Até o momento o site do Flappy […]

Arquivo Publicado em 14/02/2014, às 18h05

None

Novas versões do Flappy Bird aparecem na internet a cada minuto. Programadores e desenvolvedores tentam entrar na onda do jogo que teve 50 milhões de downloads e sofreu uma morte precoce no último dia 9 de fevereiro. Para o brasileiro ficará mais fácil com a ferramenta Flappy Generator. Até o momento o site do Flappy Generator teve 700 mil acessos e 35 mil jogos foram criados.

Criado a partir do Open Source “Don’t Touch My Bird”, o Flappy Generator foi criado pelo programador João Paulo Apolinário. A ferramenta permite a qualquer usuário criar sua própria versão do Flappy Bird, trocando o pássaro e os canos pelas imagens que desejar.

Apolinário afirmou que a ideia de criar o Flappy Bird surgiu após ver as pessoas se divertirem com as diversas opções que apareceram na web. “Eu vi na internet algumas montagens de pessoas fazendo piadas com seus amigos substituindo o pássaro e o cano por coisas dentro de seus contextos e vi também diversos clones surgindo, pensei em: por que não fazer o meu próprio?”, questionou o jovem programador de apenas 21 anos.

Perguntado se pretende lucrar de alguma forma com a ferramenta, Apolinário afirmou que está “aberto a parcerias”. “Se alguém quiser hospedar publicidade na plataforma, ou quiser colocar no conteúdo próprio, pode enviar propostas”, disse o jovem. “Mas, não pretendo colocar anúncio como o Google Ads. Aceito proposta, mas não planejo colocar anúncio padrão do Google”, completou.

O programador ainda confirmou que mais da metade dos acessos do site são originários do Facebook, onde as pessoas compartilham as imagens e jogos criados na plataforma. João Paulo Apolinário também disse que a ferramenta foi bem recebida, tanto que amigos e desconhecidos conversam com ele por Facebook e Twitter, com mil “curtir” no Facebook .

Apolinário ainda revela com penso, o segredo do Flappy Generator. “O que o aplicativo faz e permitir que as pessoas possam criar dentro do ambiente delas. Por exemplo: os fã-clubes, como o da (cantora) Demi Lovato que fez sucesso”, explica Apolinário.

Posição política

No portfólio e curriculum de João Paulo Apolinário, é possível ver que o programador trabalhou em campanhas políticas ligadas ao PT e fez parte da equipe que criou o site da então candidatura da Presidente Dilma Rousseff à presidência da República em 2010. Esse fato acrescentado ao Flappy Bird de exemplo em sua página, o Flappy Dilma, levaram uns usuários a questionar suas posições políticas e se o Flappy Generator seria usado de manobra política.

Apolinário afirma categoricamente que atuou apenas na campanha de forma “estritamente profissional” e diz não ter nenhuma ligação com o PT. O jovem reitera que criou o Flappy Dilma apenas para divulgar e porque o achou “engraçado”; e que sua posição política é apenas como membro participante do Partido Pirata, ainda em fase de registro no TSE (Tribunal Superior Eleitoral).

Jornal Midiamax