Geral

Corpo de menina de 2 anos e meio será velado e sepultado em Bandeirantes

O corpo da menina de 2 anos e meio que foi espancada e supostamente violentada será levado para a cidade de Bandeirantes, a 68 quilômetros ao norte de Campo Grande, onde será velado e sepultado. O fato deve ocorreu porque os familiares da mãe da criança são de lá. A menina foi encontrada pela mãe […]

Arquivo Publicado em 19/09/2014, às 13h34

None

O corpo da menina de 2 anos e meio que foi espancada e supostamente violentada será levado para a cidade de Bandeirantes, a 68 quilômetros ao norte de Campo Grande, onde será velado e sepultado. O fato deve ocorreu porque os familiares da mãe da criança são de lá.


A menina foi encontrada pela mãe pelada, com diversos machucados pelo corpo e desacordada em cima do sofá nesta quinta-feira (18), após chegar do trabalho. O primogênito de 6 anos, também tinha ferimentos pelo corpo causada por lesões que foram provadas pelo padrasto Fernando Floriano Duarte, de 33 anos, que estava na companhia das crianças.


Na tentativa de socorrer a criança, a mãe levou os filhos ao UPA (Unidade de Pronto Atendimento) Vila Almeida, localizado no Jardim Panamá, região oeste de Campo Grande, onde recebeu a informação de que a filha não resistiu aos ferimentos.


O corpo da criança foi encaminhado ao Imol (Instituto de Medicina e de Odontologia Legal) para exames necroscópicos. Já o irmão foi levado para o mesmo local, onde foi submetido ao exame de corpo de delito. O caso será investigado pela Depca (Delegacia Especializada de Proteção a Criança e ao Adolescente) como homicídio doloso, quando há intenção de matar, lesão corporal dolosa, quando age com vontade de machucar, e resistência.

Jornal Midiamax